Lixo escoltado

O caminhão na frente, o Gol com quatro guardas municipais atrás. Hoje de manhã, percorrendo a orla da Zona Sul carioca. Não fotografei, talvez por vergonha ou por algum pudor em propagar mais esta bizarrice local. Talvez simplesmente não tenha a real vocação jornalística. (aqui gente mais talentosa que fez o trabalho campo)

Sobre a cidade paira o azedume de dias seguidos de euforia transformada em esterco que não aduba o asfalto.

Os caminhões de lixo escoltados, os garis esparsos, um tanto constrangidos em percorrer a orla. Para quem nunca é notado, assusta.

E mais uma vez o pêndulo local cumpre sua parábola: da catarse à ressaca desmoralizante.

Um aviso aos navegantes: greves no país são termo e tema elástico. Não é preciso xeretar muito para descobrir que reivindicações de categoria são objetivo secundário.

Que o Ministério Público faça a sua parte.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: