Livro do mês: “Dinheiro queimado”, de Ricardo Piglia

Um assalto a um carro forte que segue com uma fortuna para a prefeitura de Buenos Aires, em meados dos anos 1960. Um acordo que envolve bandidos, políticos e policiais corruptos. Um acordo desfeito. Uma fuga cinematográfica que terminará do outro lado do Prata, em Montevidéu. Estes são os elementos básicos retirados das páginas policiais e transformados em ficção pelo talento do argentino Ricardo Piglia.

Piglia, que passou boa parte da carreira nos Estados Unidos atuando como professor universitário, empreende uma pesquisa minuciosa em documentos confidenciais, que lhe permite reconstituir com precisão a trajetória destes personagens.

Valendo-se de um filigrana da vida cotidiana, amplificado pelas técnicas da narrativa policial, Piglia vale-se de seu alter-ego o jornalista Emilio Renzi para expor práticas e efeitos de uma América Latina tomada pelo autoritarismo, golpismo e falcatruas que fundem e confundem interesses escusos públicos e privados.

Este é o livro do mês do Clube do Livro CBN, como dica, “Dinheiro Queimado” rendeu um ótimo filme em 2000, dirigido por Marcelo Pyñeiro.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: