Criatividade se aprende?

Apesar de rótulo desgastado pelo mau uso, a autoajuda poderia ser reinventada se editores e autores deixassem de lado a preguiça e o fascínio pela irrelevância e se concentrassem na função básica de qualquer livro: informar, ajudar a pensar. Autoajuda deveria ser assim, uma ajuda para que pensássemos diferente (ou, se preferir, melhor).

Will Gompertz, editor de artes da BBC, parece ser dos poucos hoje conscientes dessa possibilidade. Li com prazer seu “Pense como um artista – e tenha uma vida mais criativa e produtiva”, tema do Clube do Livro de hoje, lançado recentemente no Brasil.

O ponto de partida de Gompertz não é novo, pelo contrário, se tornou o Graal de executivos e palestrantes: como ensinar as pessoas a serem criativas (ou mais criativas)? Tema vasto e amplamente explorado com passos e métodos que muito se assemelham a um dos regimes alimentares da moda.

Puro nonsense.

Gompertz não faz nada disso. Você quer ser mais criativo, ou melhor, quer entender como funciona essa ideia movediça chamada criatividade?, deixe-me então lhe mostrar processo e insights de alguns dos maiores artistas do mundo.

Essa é a pegada.

Facilita muito o trabalho de Gompertz o fato de ser não só um crítico treinado, mas um investigador, daqueles que passa um dia num ateliê tentando decifrar a rotina de um criador. É o que ele faz com o belga Luc Tuymans, um planejador nato, que imagina cada tela antes de ser pintada como um pedaço de um exposição previamente desenhada. Ou a história do americano Theaster Gates, que modificou sua vizinhança num bairro pobre de Chicago, com um projeto que cruza urbanismo e artes plásticas.

Não se interessa por arte contemporânea? Que tal conhecer o pulo do gato de Picasso em 1901, em sua primeira temporada parisiense? Ou o que se esconde atrás do mais famoso quadro de Vermeer?

Histórias pequenas, contadas como pequenos casos, sem nenhuma tentativa de dogmatizar o leitor.

Parece fácil, mas não é, basta ir a livraria mais próxima para tirar a prova.

GOMPERTZ, Will. Pense como um artista – e tenha uma vida mais criativa e produtiva. Zahar: 2015.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: