Um gato viaja, um homem se despede

Hiro ArikawaHomem solitário alimenta gato. Homem solitário cuida de gato ferido. Homem solitário adota gato. Convivem. Homem não mais solitário e gato viajam pelo país. Eis o preâmbulo de Relatos de um gato viajante, da japonesa Hiro Arikawa, de que tratei no Clube do Livro desta semana. Dando prosseguimento a uma longa tradição de gatos personagens, Arikawa relata uma bela aventura íntima que, construída com aparente simplicidade, oferece uma profunda reflexão sobre os afetos e a reconciliação com a própria história.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: