“O túnel”, de Ernesto Sabato

sabato

Nesta semana tratei no Clube do Livro CBN, do livro de férias, o primoroso “O túnel”, do argentino Ernesto Sabato.

A biografia de Sabato, por si só, já daria uma história saborosa. Físico talentoso, passou por Paris e pelo IMT antes de ser tomado por uma crise vocacional. Largou tudo para morar numa casa pequena fora da cidade e dedicar-se à escrita. “O túnel” é resultado desse processo, mas nenhuma editora argentina topa publicá-lo. Acaba sendo acolhido pela revista Sur, de Victoria Ocampo, fundamental para fixar a ideia de literatura argentina que guardamos em nossas mentes.

“O túnel”trata de um crime passional, narrado pelo assassino, Juan Pablo Castel, que se propõe a contar “com inteira imparcialidade”o processo que o levou a tirar a vida de sua amante, Maria Iribarne. Estruturado em 39 pequenos capítulos, que internalizam uma forma de aparência simples, mas de feitio extremamente sofisticado, o que se oferece ao leitor é um profundo estudo sobre os mecanismos da mente, da vida que se passa na consciência enquanto são encenados os atos do mundo. Existencialista e desalentado, trata-se de uma crítica feroz à própria condição humana.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: